Psicomotricidade hoje!

O movimento é fundamental para o desenvolvimento intelectual, social, emocional, além de ser " delator histórico" pessoal, permitindo diferentes formas de explorar o mundo e seu corpo.  Tudo que é pensado deve ser mostrado, pois o corpo é um meio para se conhecer a realidade. Assim, quanto mais o meio permitir, mais o indivíduo amplia suas percepções e controla seu corpo.  

Em sua prática, a Psicomotricidade nos revela pela afirmação de Coste (1978) que o "homem é o seu corpo", nos dando a visão de que precisamos atuar nesse corpo e assim como confirma Hedina (1987):
"Para que uma pessoa se exprima enquanto que corpo mais livremente seus próprios desejos, é necessário que ela cresça, não em sua individualidade absoluta, mas em suas relações com os outros e o mundo". 

Enfim, a Psicomotricidade é, portanto, uma sintonia fina que coordena e organiza as ações gerenciadas pelo cérebro e as manifesta em conhecimento e aprendizado; é uma ciência que busca a associação dinâmica que leva do ato ao pensamento, do gesto à palavra, do símbolo ao conceito; a capacidade de movimentar-se com intencionalidade de tal forma que o movimento pressupõe o exercício de múltiplas funções psicológicas, memória, atenção, raciocínio...uma ciência que se ocupa do homem e de seu corpo em movimento nas relações do nível interno e externo.

Para o psicomotricista, a criança constitui sua unidade a partir das interações com o mundo externo e nas ações do outro sobre ela.

Há pessoas que apesar de possuírem uma inteligência normal ou até superior, apresentam uma atuação diferente das outras, com movimentos desajeitados, lentos, com dificuldades na leitura e escrita.

Equilíbrio, tonicidade, orientação espacial e temporal, esquema corporal, imagem corporal, lateralidade, coordenação motora, ritmo, são estruturas psicomotoras necessárias para que nosso organismo explore o ambiente, perceba-se nesse mesmo ambiente, perceba o outro e, com isso, se desenvolva. 

 Faz-se essa relação inseparável, na qual todo movimento é dependente do psiquismo que o produz, ao mesmo tempo em que o psiquismo é inseparável dos movimentos que o faz desenvolver. Assim tem-se: CORPO=SENTIR+AGIR+PENSAR

Caso perceba qualquer alteração nesse processo de desenvolvimento, consulte um Psicomotricista.

Leandro Savarino 

 Educador Físico especialista em Psicomotricidade e Desenvolvimento Neuropsicomotor